Posso dar ovo ao meu cão?

O meu cão pode ou não comer ovo?

O ovo pode ser ingerido por cães e, prova disso é o facto de ser incluído em várias rações e também nas alimentações cozinhadas ou BARF. Mais à frente vamos explicar de que forma deve ser dado.

Principais benefícios

O ovo é uma excelente fonte de proteína e com fácil digestibilidade. Ao contrário do que vulgarmente se pensava, o ovo é uma fonte de bom colesterol. Tem ainda alguns constituintes como a luteína, enxofre e colina que são muito importantes para manter a saúde da visão e da pele.

Como inserir ovo na alimentação do meu cão

Se o seu cão come uma dieta saudável de boa qualidade, não é necessário serem fornecidos ovos de forma complementar. Assim, o ovo deve ser visto como um extra saudável e, mesmo em dietas BARF ou cozinhadas, é dado normalmente com uma frequência não superior a 2 vezes por semana.
Se optar por dar ovo ao seu cão, este deve ser sempre cozido. As principais razões para isto são os perigos microbiológicos dos ovos como a Salmonella spp quando mal cozinhados e devido à avidina que é um constituinte das claras que, se não sofrer cozedura que provoca a sua inativação, vai inibir a absorção de biotina, nutriente bastante importante.

Cuidados a ter

Além da cozedura de extrema importância deve também ter cuidados em relação à casca do ovo: embora seja uma fonte de cálcio, não deve ser fornecida sem aconselhamento do médico veterinário habitual ou nutricionista, uma vez que facilmente pode chegar a um excesso de ingestão deste mineral que se torna prejudicial à saúde.

Apesar de ser um alimento bastante saudável, o ovo não deve ser fornecido em demasia, principalmente nos cães que comem já uma dieta completa e equilibrada. Nos cães que comem alimentação cozinhada ou BARF, o ovo deve ser inserido na dieta na proporção indicada pelo médico veterinário nutricionista que acompanha a alimentação.

Joana Silva

Médica Veterinária

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *