• Home
  • SobreChevron Icon
    • Testemunhos
    • Veterinário
    • Alimentação
  • Blog
  • Comunidade
  • Simular
BlogSaúde

Obstipação nos cães

Saúde

A obstipação, vulgo, prisão de ventre, é uma patologia grave que pode acontecer nos cães e significa que eles têm problemas a defecar, não conseguindo excretar as fezes que se vão acumulando no cólon. Pode ser causada por vários factores e ter consequências graves se não for tratada de imediato. Para ficar a saber as causas, sintomas e como tratar e prevenir esta patologia, continue a leitura 😊

Quais podem ser as causas?

A obstipação pode acontecer devido a vários factores. O seu cão pode ter bloqueios anatómicos / estritamentos a nível do cólon, que impedirão a saída normal das fezes levando a que acumulem ao longo de tempo provocando a obstipação. Ou pode acontecer também por causas alimentares – quando os cães ingerem alimentos ou objectos nocivos à sua saúde/digestão – como é o casos dos ossos, ou até mesmo uma má nutrição pode levar à prisaõ de ventre (dietas pobres em fibra).

Como saber se o seu cão está obstipado?

O sinal mais comum é o tenesmo – ou seja, ele vai tentar defecar sem sucesso, colocando-se em posição mas sem conseguir libertar as fezes. No caso de conseguir defecar, as fezes são muito duras e quase sempre acompanhadas por sangue e muco.

Dores de barriga e tensão abdominal são outros sinais muito comuns, notamos logo o desconforto deles, perdem apetite, e normalmente bebem muito. Em situações muito graves, acabam mesmo por vomitar.

O megacólon é um consequência grave da obstipção e ocorre quando a acumulação de fezes a nível do colón é tanta que ocorre uma dilatação severa da parede intestinal (megacólon) que por sua vez leva a que terminem os movimentos peristálticos do intestino – uma emergência médica.

Tratamento

O tratamento vai depender da gravidade da situação. Alguns animais conseguem tratamento ambulatório (em casa) através de alteração da dieta e de medicações de suporte. Outros casos, poderão ter de ser hospitalizados para haver terapia endovenosa e a resolução da obstipação nesses casos é através de enemas. Alguns casos poderão necessitar de cirurgia!

Como prevenir a obstipação no seu cão?

  • A alimentação é parte fundamental do maneio em obstipação – uma dieta rica em fibra é indispensável nestes casos – principalmente em animais com alterações anatómicas e que portanto, terão de ter especial atenção a sua vida toda.
  • Ingetão de água frequente também ajuda na prevenção.
  • Cães séniores com dores articulares podem não defecar por dor levando consequentemente a uma obstipação intestinal e nestes casos, o maneio da dor é fundamental para prevenir esta patologia.

 

Mas muito importante… A prisão de ventre quanto mais cedo for detectada e tratada, mais hipóteses tem de sucesso… por isso, se desconfiar desta situação no seu cão contacte imendiatamente o seu Médico Veterinário habitual, ele saberá o que fazer para deixar o seu cão confortável 😊

Ana Pinto

Médica Veterinária de Animais de Companhia

PARTILHE SE GOSTOU!

Facebook IconTwitter Icon

Aprenda mais sobre o seu cão

A Barkyn entrega ração adaptada e acompanhamento constante de um veterinário dedicado. Simule para si!

plans

Formuladas por veterinários, as rações Barkyn são feitas com carne ou peixe fresco e têm condroprotetores para tornar o seu cão mais forte. Aprovado por mais de 50 000 cães.

Barkyn

Sobre

  • Home
  • Testemunhos
  • Veterinário
  • Alimentação
  • Blog
  • Comunidade
  • Simular

Siga-nos