• Veterinário
  • Alimentação
  • Sobre nós
  • Loja
BlogSaúde

O meu cão comeu areia, e agora?

Nos passeios pela praia não é incomum ver os cães a comerem areia enquanto brincam! Leia aqui tudo sobre este comportamento e saiba o que fazer.

Ana Matias

Ana Matias

Veterinária
3 min de leitura
Sabia que o seu cão pode ter uma ração à medida dele?

O melhor para o seu cão

Sabia que o seu cão pode ter uma ração à medida dele?

-25%

na 1ª encomenda
SABER MAIS
SABER MAIS

Nos passeios pela praia, os cães encontram sempre várias formas de aproveitar o tempo. Entre brincadeiras e mergulhos, muitas vezes aproveitam para comer areia. Será normal?

Porque os cães comem areia?

Existem vários motivos que levam um cão a comer areia:

  • Brincar e explorar o ambiente: talvez o principal motivo que justifica este comportamento. Os patudos descobrem o que os rodeia através do olfato e paladar! Assim, é natural que tenham tendência para ingerir coisas não comestíveis.
  • Picacismo: este é o nome que se dá ao distúrbio alimentar caraterizado pelo consumo de elementos que não são comida (por exemplo, areia, terra, relva). Este comportamento nunca deve ser considerado normal e surge em casos de défices alimentares (como ração de má qualidade), alterações comportamentais ou associado a algumas patologias.
  • Tédio ou ansiedade: cães com défice de estimulação, entediados com o meio que os rodeia, ou com níveis de stress e ansiedade elevados, manifestam comportamentos destrutivos ou obsessivos. Comer areia pode ser um deles. É fundamental promover uma rotina que estimule os patudos mentalmente e fisicamente. Existem diversas formas de enriquecer o ambiente em que vivem os cães, não esquecendo a importância da socialização com o tutor ou com outros animais.
  • Necessidade de chamar a atenção do tutor: muitos cães necessitam de maior atenção por parte do tutor e fazem de tudo para a receber. Nem sempre, os patudos agem de forma correta e, mesmo os comportamentos menos adequados, conseguem captar a nossa atenção. É importante, promover sempre um reforço positivo e dispor de tempo suficiente com o nosso melhor amigo de 4 patas. Nos casos mais preocupantes, em que a necessidade de atenção é acentuada, será importante consultar um Especialista em Comportamento Animal.
  • Fome: esta é a razão menos comum pela qual os cães ingerem areia. No entanto, relembro da importância de oferecer ração de boa qualidade energética e nutricional ao seu patudo, conferindo e respeitando a dose diária recomendada indicada no rótulo da embalagem ou sugerida pelo seu Médico Veterinário.

O que deve fazer se o seu cão comeu areia?

Consultar o seu Médico Veterinário! É de extrema importância perceber qual o motivo que desencadeou este comportamento no seu cão. Alguns deles requerem terapias médicas ou comportamentais!

Além disso, a ingestão de areia promove distúrbios gastrointestinais agudos (como vómitos, diarreia ou dificuldade a defecar). Em muitos casos, é necessário atuar para evitar complicações.

Radiografias permitem determinar a quantidade de areia que o seu cão ingeriu e avaliar a situação, de forma a prever a necessidade de tratamento ou não.

Ana Matias

Médica Veterinária

O melhor para o seu cão

Alimentação saudável entregue à sua porta

A Barkyn entrega ração adaptada às necessidades do seu cão acompanhamento de um veterinário dedicado. Simule agora!

Começar agora
25%
desconto na 1ª encomenda
Alimentação saudável entregue à sua porta

© Barkyn, Lda. NIF: 514259426 - Love for your dog 2021

VisaCard Icon
MasterCard Icon
PaypalFooter Icon
  • Ajuda
  • Emprego
  • Privacidade
  • Loja