O meu cão não gosta de tomar banho: o que fazer?

Lifestyle

Enquanto para alguns donos o banho do cão é um momento de brincadeira e de relaxamento, para outros é um verdadeiro pesadelo. Seguem-se alguns conselhos para que esse pesadelo termine.

O que devo fazer quando o meu cão tem medo de tomar banho?

Mesmo os cães que gostam de água podem sentir medo e desconforto quando tomam banho, sendo bastante frequente. Podendo levar a que o cão fique agressivo, rosne, fuja pela casa e se esconda. Os motivos para este comportamento podem ser variados, trauma, não gostam de água, medo do barulho do secador, entre outros.

Mas como é que devo lidar com esta situação?

  • Nunca, mas nunca mesmo aperte, agarre, obrigue o seu cão no momento do banho. Além de estar a aumentar o stress e o medo pelo banho, pode acabar por sair magoado, pois ele pode morder para se defender e sair do banho.
  • Educação, vai ser a chave para este problema. Em primeiro, como todos os hábitos de higiene, o banho deve ser introduzido o mais cedo possível na vida do seu cão. Isto vai fazer com que se habitue e que não tenha medo de nenhum dos momentos deste ritual de limpeza.
  • Um bom passeio antes do banho, este passeio vai fazer com que o seu cão perca energias e vá mais calmo para o banho, fazendo com que o aceite melhor.
  • A temperatura da água é muito importante, por vezes, há cães que gostam de tomar banho, mas sentem frio quando o fazem, tornando a experiência desagradável. A água do banho deve estar tépida (cerca dos 38º).
  • Muita calma e paciência da nossa parte, pois eles só se sabem defender e falar desta forma.

Como devo treinar o meu cão para que goste de tomar banho?

Como qualquer outro medo que o seu cão tenha é possível tornar o pesadelo do banho, num momento calmo e tranquilo. Para isso devemos perceber qual o motivo que leva a ter medo, se a água, se o secador, se a toalha o que seja e a partir dai trabalhar para que o nosso cão o perca, utilizando a técnica de dessensibilização, ou seja, a introdução gradual do estímulo sonoro e visual no dia a dia do seu cão, sempre recompensando cada conquista. Exemplo: o seu cão tem medo da toalha, num primeiro momento apresenta-lhe a toalha, quando familiarizado, coloca em cima dele e por fim faz os movimentos de secagem (sempre recompensado positivamente, com biscoitos e festas todas as conquistas).

Enquanto o seu cão não supera o medo do banho, estão disponíveis shampoos secos para ir remediando a situação e manter o seu cão limpo e cheiroso.

 

Maria Beatriz Mariano

Médica Veterinária

Planos Barkyn

Crie o seu plano personalizado Barkyn e descubra uma nova felicidade!

Começar